Legging de couro NewChic + Camiseta Vista Direita

terça-feira, março 29, 2016

Combinei dois presentes para passar a manhã e o início da tarde na estância da família: uma legging de couro sintético da NewChic e uma camiseta da Vista Direita (com os dizeres "Reacionário contra tudo o que não presta", de Nelson Rodrigues).





















































Aqui novamente a legging, direto da loja online:



E não esqueçam de me seguir no Bloglovin e no Instagram.

POSTS RECOMENDADOS

7 comentários

  1. Mas Aline, faz parte da modéstia a calça, principalmente, a legging? Eu sempre li que a modéstia pressupõe saia. Por favor, responda-me esta dúvida! Esteja sempre com Deus!

    ResponderExcluir
  2. Giuliane, obrigada pela dúvida sincera e pelo modo respeitoso como a expões.

    Bem, em primeiro lugar a expressão "faz parte da modéstia" já denota um equívoco de compreensão do que seja a modéstia. Ela é uma virtude. Algo é modesto ou não é (ou é neutro, como a maioria das coisas). Não se faz parte de uma virtude. Muitos usam essa expressão de fazer parte, e isso implica a, ao menos na prática, pensar que a modéstia é uma espécie de grupo, de movimento.

    E, sim, respondendo à tua pergunta, usar calças e mesmo legging é perfeitamente legítimo a uma cristã. Logo, não fere, em si mesmo, a modéstia. Vai depender da calça, de quem a usa, de onde está, do conjunto das roupas etc. A modéstia é absoluta, mas sua aplicação é circunstancial, pois variam suas expressões conforme a época e a cultura. O Catecismo mesmo já diz isso.

    Recomendo que leias - mas leia aprofundadamente, meditando, refletindo e pausadamente - esses meus textos:

    http://www.blogfemina.com/2014/05/pode-mulher-crista-usar-calcas.html

    http://www.blogfemina.com/2015/08/todas-nos-devemos-nos-vestir-iguais.html

    http://www.blogfemina.com/2015/06/5-erros-sobre-moda-e-modestia-que-voce.html

    http://www.blogfemina.com/2014/10/9-sinais-de-que-sua-concepcao-de.html

    Evidentemente, como a Igreja não se manifestou nem o fará sobre isso de modo definitivo, és livre para discordar de mim, e conviveremos tranquilamente com essa lícita discordância, desde que respeitosa e sem nenhuma de nós acusar a outra de erro, de pecado, de heresia ou de imodesta.

    Um abraço e fica com Deus.

    ResponderExcluir
  3. Aline,

    Agradeço a resposta. Me deparei com a modéstia há pouco. Concordo com você: é uma virtude. Prometo ler atentamente todos os seus textos e voltar. Posso?

    Esteja sempre com Deus!

    ResponderExcluir
  4. Claro, Giuliane. Será uma alegria continuar a conversa. Obrigada, de coração, por tua docilidade e humildade.

    Beijão,

    ResponderExcluir
  5. Your daughter is so amazingly cute! I love the pants, they are so cool!

    ResponderExcluir
  6. Aline,

    Como estás?
    O assunto é complexo. Eu li e me convenci dos teus argumentos. O problema é que o Pe Paulo Ricardo também me convenceu com os deles. Ele afirmou que nós precisamos resgatar o uso da saia e assim como nós não achamos normal um homem de saias, não é normal uma mulher de calças (talvez não nessas palavras). E, desde que retornei à Igreja me sinto mal ao usar calças, especialmente com o véu.

    Esteja sempre com Deus.


    ResponderExcluir
  7. Giuliane, obrigada pelo retorno.

    Acompanho o Pe. Paulo Ricardo faz anos, desde quando ainda não era tão famoso. Somos amigos no Facebook desde uns bons anos, aliás.

    E vou te dizer: não estamos em pólos opostos. Ele não tem uma tese oposta à minha. Nós concordamos. Talvez tu não tenhas entendido exatamente os argumentos dele ou eu não soube me expressar direito, pelo que peço perdão.

    O Pe. Paulo NÃO condena o uso de calças por mulheres. Apenas diz que devemos resgatar o uso das saias e vestidos porque, em nossa cultura, eles são MAIS femininos enquanto símbolos. E eu concordo com isso. Quando escrevo sobre calças, falo sobre a LICITUDE de seu uso e como usá-las com elegância. Mas eu sempre afirmei que as saias e os vestidos são MAIS femininos do que as calças.

    Aliás, eu uso saias quase todos os dias. Tenho dezenas delas, de todos os tipos. Vestidos tenho às pencas. E sempre preguei que é preciso resgatar um uso mais cotidiano de vestidos e saias.

    Em resumo: pode-se usar calças, embora seja necessário valorizar mais as saias e vestidos. É isso que o padre e eu pregamos. Pode haver diferenças de ÊNFASE entre o que ele fala e o que eu falo. Mas isso é questão de estilo e de opiniões pessoais. S

    Em Cristo,

    ResponderExcluir

Modest Fashion Network

Curta no Facebook

Moda e modéstia

Estou no Instagram @aline.brodbeck