Maria Mariana contra o politicamente correto

segunda-feira, maio 11, 2009

Autora de "Confissões de Adolescente": exemplo de mãe e dona-de-casa

O título é meu, mas o texto é da fonte abaixo: http://ego.globo.com

Autora do antológico ‘Confissões de Adolescente’ agora lança o livro ‘Confissões de mãe', sobre suas experiências com os quatro filhos

Luciana Tecidio

Do EGO, no Rio


Maria Mariana quer levar 'Confissões de mãe' para o teatro

Em 1992 a atriz e escritora Maria Mariana tornou-se famosa com o livro ‘Confissões de Adolescente’. A obra, que relatava os sentimentos de uma jovem de 19 anos, virou best seller, peça de teatro e série de televisão. Dez anos depois, a filha do cineasta e diretor teatral Domingos de Oliveira, lança uma nova empreitada: ‘Confissões de mãe’. Neste novo livro ( Editora Agir Equilíbrio, 96 págs., R$ 29,90) a escritora, hoje com 36 anos, faz confissões sobre a experiência de ser mãe. Mariana está casada há 11 anos com o médico André Peçanha com quem tem quatro filhos: Clara, 9 anos, Laura, 7, Gabriel, 5 e Isabel, 2. Dentre suas pensatas sobre a profissão materna, escrita em discurso direto para os filhos, a autora faz constatações polêmicas. Como a de que o casamento tradicional é a única forma de obter uma felicidade verdadeira. Ou de que o parto normal é para as mulheres que ‘merecem’ e que as eventuais dificuldades que surgem no nascimento, são para àquelas que não dão o devido valor ao seu lugar de mãe’.

“Não fiz uma crítica para polemizar”, contemporiza Maria Mariana.”Quero harmonia. A minha intenção é acabar com o preconceito que existe quando a mulher opta em ficar em casa para cuidar dos filhos, como é o meu caso”.

Maria com Clara, Laura, Gabriel e Isabel
Pai a criticou

Quando casou com André e decidiu largar a promissora carreira de escritora para cuidar da família, a filha de Domingos de Oliveira foi alvo das críticas do pai. O diretor a questionava sempre quando ela engravidava. Oliveira era a contra a idéia de vê-la como dona-de-casa. “Agora papai já se conformou. Ele ficou questionando meus posicionamentos. Ele é do teatro, né. Mas depois que passou a ver meu sorriso no rosto, se tranqüilizou”.

Nesses 10 anos dedicados exclusivamente à família, Mariana trocou o Rio por uma vida pacata em Macaé, no litoral norte do estado. ‘Confissões de mãe’ foi escrito lentamente ao longo de nove anos entre muitas interrupções. “Lançava as ideias e depois tentava bolar uma maneira de como escrevê-las. Daí surgiu fazer o livro como uma espécie de diário da mãe para os filhos. Foi uma maneira que tive de perpetuar para eles a minha experiência materna”.

Contando com a ajuda de uma babá para criar os pimpolhos, ela se prepara para ver novamente nos palcos o espetáculo ‘Confissões de adolescente’. Com estréia para julho no Rio, o elenco da peça desta vez traz Sophia Charlotte, Louise d’ Tuani, Bela Câmero e Clarice Falcão. Quanto à ‘Confissões de mãe’, tudo leva a crer que seguirá a mesma trilha de seu primeiro sucesso: os palcos.

“Quero levar 'Confissões de mãe' para o teatro. Mas para isso, acho que terei que incluir depoimentos de outras mães. É um projeto ainda a longo prazo”, avisa a calmíssima Maria Mariana.

POSTS RECOMENDADOS

0 comentários

Modest Fashion Network

Curta no Facebook

Moda e modéstia

Estou no Instagram @aline.brodbeck